Causas de Infertilidade

Feminina

 

Fator Ovulatório

 

  • Ausência de óvulos

  • Disfunção ovariana

  • Anormalidades no eixo hipotálamo hipofisário

 

Fator Tubário

 

  • Ausência ou obstrução das trompas de falópio

  • Aderências pélvicas

  • Endometriose

  • Doença Inflamatória Pélvica (DIP)

 

Fator uterino

 

  • Anomalias anatômicas

  • Distúrbios na implantação do embrião (alteração endometrial)

  • Seqüelas de infecção ou cirurgia (sinéquias uterinas)

  • Pólipos e miomas

Masculina

 

Fator masculino

 

  • Produção ou excreção inadequada do espermatozóide

  • Infecção espermática

  • Anticorpos anti-espermatozóides

  • Varicocele

  • Obstrução do trato genital

  • Criptorquidia (falha na descida dos testículos)

  • Distúrbios do canal da ejaculação

  • Alterações hormonais

  • Anomalias genéticas

 

Fator imunológico

 

  • Presente tanto no muco cervical, quanto nos espermatozóides

Fatores psicogênicos

 

Embora um pouco controverso, algumas evidências sugerem o papel da etiologia psicogênica em determinados casos de infertilidade. A exemplo de outros distúrbios psicossomáticos, a infertilidade psicogênica é a manifestação de um processo inconsciente que se expressa alterando o funcionamento neuroendócrino e neurovegetativo, interferindo na fisiologia da ovulação e/ou de outras vísceras reprodutoras. Assim, é importante ressaltar a influência do estresse no funcionamento neuroendocrinológico. Na expectativa da gravidez tão desejada, pode ocorrer a liberação de hormônios relacionados ao estresse, os quais interferem na fisiologia neuroendócrina do casal.